Todo o Rio de Janeiro

JEFFREY EPSTEIN

Alternativas

Com isto, em um primeiro momento, observa-se que tais medidas ao mesmo tempo que visam proteger um determinado segmento da sociedade, deixam o outro completamente desprotegido. Empregadas domésticas, faxineiras, trabalhadores de aplicativos, ambulantes, flanelinhas, motoboys, cicloboys, entre outros teriam que optar entre ficar sem dinheiro ou sair às ruas em busca de trabalho. Imaginem estas pessoas andando nos trens, ônibus, metrôs lotados. O vírus vai para a periferia, mas volta com tudo pois estas pessoas atendem justamente estes que se julgariam protegidos. O risco é intensificar comportamentos de cunho fascista, racista, xenofóbico. Como implorar para que esse trabalhador, porteiro, faxineiro, ambulante, camelô, empregada doméstica, entregador, fique em casa, se a gente na favela come quando tem dinheiro, ou seja, quando trabalha? Fico pensando em como a favela vai escapar dessa. Teremos que ter cuidados redobrados na forma de se comunicar e sempre pensar em alternativas e em soluções, que deveriam vir de cima.

Garota procura 607075

Señora Acero

Ano de lançamento: Depois de cinco anos, Sara decide se arriscar em uma fuga perigosa quando recebe notícias perturbadoras sobre alguém que ama. Enquanto isso, Teca espera por ela. Sara é condenada 58 min Após cinco anos esperando na cadeia, Sara recebe uma sentença inesperada. Teca tenta sequestrar Sara, mas acaba pegando uma pessoa próxima a ela. Sara tenta fugir 56 min No aeroporto, Índio tenta borrar o rastro do cartel. Consuelo faz um sacrifício, permitindo que Sara e Faria tentem fugir imediatamente. Makoki quer briga 56 min Teca recebe uma pista sobre a pessoa que subornou o juiz da sentença de Sara. Enquanto isso, Sara se vê confinada em um espaço fechado com o perigoso Makoki.